FANDOM


Conto : A Chama de Xoroth se Extingue

Notas do Autor: Olá RP Aliança, Sou Jackson Sanches. ( O Indivíduo Ponei do Grupo ). Espero que gostem do meu conto, que por acaso, é uma das coisas, se não a que eu mais gosto de fazer. Saibam que a cada sílaba, cada letra, cada palavra e cada frase tem um pedaço da minha alma. I hope you enjoy it. See Ya!

Elenco: Ravena Asassombria, e a dramática Annie Trocafuso.

A Chama de Xoroth se Extingue

É um dia frio no Barcódromo do Xabu e do Relé. As gaivotas gorjeiam bem alto, esperando algo acontecer, vivendo suas vidas aladas como ninguém terrestre jamais poderia pensar. A água de Mil Agulhas jaz sob os pés da gnomida engenheira Annie Trocafuso, que contribui para a água salgada com suas lágrimas de melancolia. Em seu braço, está amarrado o colar de sua amada esposa Nalice, seus olhos melancólicos lentamente se movem para ele enquanto lacrimejam. Os chifres em sua testa começam á arder, por alguma razão, Burble e Worly vêm á sua mente, ela então se lembra o quanto ama os dois, tais pensamentos vêm para lhe assombrar.

Ela então se lembra das noites quentes com Nalice, seus corpos de amantes se esfregam, ela ainda ama sua esposa mais do que tudo. "Nalice, se você ao menos ainda demonstrasse que me ama..." -Resmunga Annie, tentando inutilmente limpar suas lágrimas, que não param de cair como as cachoeiras da Costa Negra-. Os olhos da gnomida se enchem de ódio por alguma razão, enquanto lembra de Worly caçoando, dizendo que ele nunca pediu nada enquanto sofria, e de Burble e o quanto ela sofreu. "Eles sofreram e aguentaram, eu não fui capaz disso, desculpem" -Annie resmunga uma vez mais, enquanto limpa as lágrimas-.

Seu pensamento corre para Jyn Prior, a sua melhor amiga, e o quanto foi grossa com ela, lembrando de quando elas explodiam os Troggs e Trolls de Dun Morogh. Então ela chora, enquanto seu lindo cabelo rosa recai melancolicamente sobre seu rosto, escondendo as lágrimas incessantes. O clima frio de Mil Agulhas, que por cima parece mais um deserto, não ajuda no ar melancólico do lugar. Ela então morde seu dedo anelar, que jaz sua aliança de noivado, foi o dia mais mágico de sua vida, ela se lembra de seus votos, foram eles verdades, porem agora mais do que nunca seu fardo pesa. É um peso alto de mais para seus pequenos ombros gnômicos aguentarem, mas talvez ela tenha sido fraca.

Annie então se lembra de seu casamento, e quando Geldor atacou Worly, seu melhor amigo, e o deixou jogado no chão, ela se lembra de correr desesperadamente para socorrê-lo, a amizade dos dois é forte. Porém, ainda se preocupando com Nalice, e a puxando para o esconderijo, e se algo atingisse ela?. Os olhos de Annie lentamente se dirigem aos céus, as nuvens densas que parecem recair sob sua cabeça, começam á respingar pequenas gotas de chuva, contribuindo ainda mais para a melancolia do momento. Com voz rouca, Annie sussura para si mesma: "O céu... chora por minha morte."

Corvos rodeiam o local, substituindo as lindas gaivotas pelos pequenos pássaros anunciadores do apocalipse. Como por mágica, uma imagem humanoide surge atrás da Annie, que lentamente se vira para ver tal aberração. Era Ravena Asassombria, que olhava tudo com rancôr nos olhos, sua doce voz anuncia a morte e ela apenas observa a gnomida por alguns instantes, antes de lentamente se dirigir á mesma. Sua linda e aconchegante voz ecoa pelo seu longo bico negro, suas lindas penas sacodem com o vento que se forma, chorando por sua chegada: "É isso mesmo que quer, pequenina?". Ao ouvir isso, Annie chora e abraça a arakkoa, suas penas fofas e aconchegantes á esquentam no clima frio, sua voz rouca e chorosa entristece o coração de Ravena: "Você... não queria me matar, Ravena?" -diz Annie, lentamente levantando a cabeça que jaz sobre o peito da arakkoa, encarando seus maravilhosos olhos de Safira-.

O vento sopra ainda mais forte, Ravena encara o horizonte antes de responder. Sua voz doce e melosa ecoa novamente por seu longo bico negro, porém aconchegando o coração da pequenina Annie: "Velhas rixas se perdem com o tempo, pequenina. Eu não sou má, porém não sou boa. Não vou impedi-la de se matar, mas também não vou contribuir para tal." -Diz Ravena com sua doce voz, os corvos gorjeiam cada vez mais alto, em respeito á sua mestra-

Annie chora ainda mais, suas lágrimas se derramam sobre as roupas e sobre os peitos da arakkoa, que assiste a cena sem esboçar reação. Depois de muito hesitar, sua boca se abre dizendo coisas como se fossem suas últimas palavras: "Eu posso mandar uma carta para meus amigos? Eu mandaria para Jyn também, mas não quero que ela entristeça seu olhar infantil e doce". Ravena assente friamente, com seu olhar ainda fixado nos altos picos de Mil Agulhas, olhando com nostalgia para os ninhos das manticoras, como se relembrasse dos ninhos dos Corvos Medonhos de Arak, ela então deixa a nostalgia de lado e se vira para Annie, chamando por dois corvos mensageiros que rodeiam gorjeando para as duas, ela então tira dois pedaços de papel e uma pena com tinta, e as estende para Annie que as pega e chora.

Annie então escreve nas cartas para Burble e Worly, enquanto chora. Suas lágrimas respingam nas cartas enquanto escreve. Após escrever para os dois, ela abraça as cartas, chorando ainda mais, suas incessantes lágrimas encharcam o papel, deixando-o mais pesado. Logo em seguida as entrega para Ravena, que amarra uma carta em cada corvo e manda eles procurarem por Burble e por Worly, ela conhece os dois, e seus corvos compartilham da memória fotográfica de Ravena. Eles seguem para o alto, vasculhando o barcódromo, procurando pelos dois destinatários.

A pobre gnomida se vira para a água, respirando fundo coloca um pé para fora do barco. Ravena, atrás da gnomida, deixa uma lágrima escapar, Annie então se vira para ela, e... sorrindo e com uma voz doce ela diz:"Hoje... a Chama de Xoroth se extingue...". Ravena assente com a cabeça, porém não mais fria, mas com um ar de tristeza no olhar. Annie sorri e olha para o colar de Nalice "Eu vou morrer... sorrindo para a morte... e a abraçarei de bom grado." -diz Annie, sorrindo para o colar, em seguida o arremessa para Ravena-. "Entregue isso para Nalice, quero que ela se lembre de mim." -diz ainda com o sorriso no rosto- Ravena pega o colar e assente com a cabeça.

Annie fecha os olhos e salta para a gelada e mortífera água de Mil Agulhas, tentando beber o máximo de água possível para sua dor acabar rápido. Embaixo d'água ela sorri e seu último suspiro sobe á superfície em forma de bolhinhas. Suas ferramentas e bombas são pesadas e puxam Annie para baixo, selando seu triste fim.

Ravena olha para o sorriso de Annie e chora. Após um minuto de descrença, ela encara o colar de Nalice, que está encravado em seu verso : "Eu te Amo, Nalice.". Após ler isso, Ravena não se contém e chora, colocando o colar na bolsa. Ela então dá uma última olhada em Annie, mas já está fundo de mais para enxergá-la. Ela então se vira e levanta voo, ela precisa entregar o colar, sussurando para si "A Chama de Xoroth se extingue, deixando vários amigos para trás. Eu me lembrarei de você Annie, minha maior rival e... amiga."

-------------------------------------------------------------FIM-------------------------------------------------------------

Notas Finais: Muita gente me pergunta o motivo de ter matado a Annie, e eu responderei, eu já estava desanimando dela faz um tempo. Não tem muitos motivos para continuar com ela. Mas lembrem-se de mim como o "OPZORD" da Guild. Talvez futuramente ela volte. Mas preciso de um tempo para pensar. Eu tenho planos para ela. Continuarei interpretando Phixel Mekkafuso e Ravena Asassombria. Porém meus RPs vão diminuir drasticamente. Eu não fui emocionalmente feito para RP He-eh ...Desculpem pessoal amigo da Annie, mas é minha decisão. E tenho motivos para isso, que já expliquei várias vezes em ON e em OFF. Bom, peço que NÃO me odeiem rsrs... preciso de um tempo para, emocionalmente, me organizar na vida. Ainda participarei de alguns RPs casuais, mas com menos frequência. Que A Deusa Pony Celestia os Abençoe, RP Aliança. See Ya!! \o/

Ad blocker interference detected!


Wikia is a free-to-use site that makes money from advertising. We have a modified experience for viewers using ad blockers

Wikia is not accessible if you’ve made further modifications. Remove the custom ad blocker rule(s) and the page will load as expected.