FANDOM


Conto : "A Chama de Xoroth"

Nas Florestas de Elwynn, mais especificamente na Madeireira do Leste, as duas Gnomidas Annie Trocafuso e Nalice Bonkery recém casadas, descansam. Os corvos da noite começam a gorjeiar, o vento forte sopra como se estivesse tentando sussurar algo, o clima está muito frio, tal como o abraço da morte. Na madeireira, os lenhadores descansam após o dia exaustivo, estão com suas famílias em suas casas quentes. Os lobos anunciam a chegada da Meia-Noite.

Annie, perturbada, levanta-se da cama e vai se vestir, ela sente que algo está errado. Os corvos gorjeiando do lado de fora estão zangados e agitados, "O que diabos está acontecendo esta noite!?" -Annie se questiona-. Dito isso, ela desce as escadas lentamente, mesmo com seu corpo quente com o Sangue Vil, ela sente o Frio da noite e do medo percorrer sua espinha, mas não é o medo de morrer, é o medo de que algo aconteça com sua amada Nalice Bonkery, uma pobre padeira que não conseguiria reagir á um ataque.

A Porta range, o frio da morte parece se espalhar por toda a casa e pelo corpo de Annie. Ela então dá alguns passos oscilantes até a caixa de correio, contruída por ela. Ali, parada, ela olha em volta, respirando muito fundo.. O Medo tomou conta de seu corpo. A floresta está escura, os corvos gorjeiam, os lobos da meia-noite uivam para sua amada Lua.

Do nada, a floresta se cala. Nenhum corvo mais gorjeia, nem mais um lobo uiva. Agora é apenas Annie e a escuridão da floresta. Ela, sentindo o perigo, anda lentamente em direção á floresta. De repente, o frio sobe á sua coluna, a sensação de calafrio é intensa. Ela se sente tremer, mas não sabe se é frio ou medo. Ela se desespera e começa á correr em direção á casa, mas antes de chegar á porta ela ouve um gorjeio frenético, e ouve o vento sendo cortado. Quando vira a cabeça, ela só consegue ver o Chakram de Ravena cortando sua bochecha direita, com um sangramento profundo.

Annie cai ao chão, o Sangue Vil escorre por seu rosto, o Chakram está cravado na porta de sua casa. O sangramento é profundo, o sangue quente mancha o chão... Annie levanta a cabeça e se vira e vê uma Arakkoa com penas negras, com um pouco de tom vermelho-vil. Seus olhos são como as chamas da Península do Fogo do Inferno. Olhando-os diretamente, Annie vê o inferno, vê sua morte. A Arakkoa grasna em deboche, enquanto encara a gnomida no chão, toda suja de sangue vil. Annie grita em protesto, evocando chamas vis em seus braços e as lançando contra a Arakkoa, porém as chamas atravessam o pássaro, Annie foi enganada por uma ilusão. Annie escuta um grasnado, olha para cima lentamente, e vê sua executora caindo sobre ela, suas garras afiadas fazem o trabalho sujo, os corvos da floresta grasnam em comemoração á vitória de sua Mestra. Ravena crava suas garras no peito de Annie, e a levanta ao alto, "Finalmente eu te achei... Krawl!" -Diz a Arakkoa, grasnando de felicidade.

Annie fica ali, presa nas garras de sua executora, o sangue vil pinga incesamente, ela já não tem mais forças para reagir, seus olhos se fecham aos poucos...Ela só consegue ditar as palavras "Na..li..ce.... Eu te... Am--" -Annie é interrompida por outro golpe da Arakkoa em seu abdomen, dessa vez um jato de Sangue Vil jorra de Annie, o sangue grosso mancha o chão, criando uma poça imunda. Os olhos de Annie se fecham. Ela dá seu último suspiro. Ravena então á larga ao chão, lambendo suas garras manchadas de sangue vil, se deliciando com o poder. Quando se prepara para voar, ela ouve um barulho e um cheiro podre de enxofre.

Annie se levanta do chão, com um sorriso totalmente psicopata e medonho no rosto, abrindo os olhos e revelando uma chama verde incandescente e poderosa. "O Inferno agora reside no meu olhar, passarinho." -Diz Annie, com uma voz tão aterrorizante, que é capaz de destroçar o coração do mais valente dos guerreiros de Lordaeron. Asas então saem das costas de Annie, asas negras como a noite, porém encharcadas com Sangue Vil, parece que elas abriram um caminho á força através de seu corpo.

A Ravena, que até agora não temia nenhum ser, começou á tremer, suas pernas tremiam ao encarar aqueles olhos demoníacos. Do nada, Annie grita "Mãe!!.... Eu aceito o seu pacto!!" .Mantendo o mesmo sorriso bizarro e demoníaco no rosto, Annie começa á andar. Ravena recua em choque e começa á lançar uma ilusão, mas antes de conseguir, Três enormes Setas do Caos voam das mãos de Annie e caem sobre seu corpo penoso. Ravena cai ao chão, quase morta... Es que então Annie se aproxima e fica bem perto do rosto do pássaro, estendendo sua mão e dizendo :"Fazer... maldade é ruim...." Após isso, ela libera uma Risada que pode ser ouvida por toda floresta Elwynn, uma risada doentia e demoníaca. Ela então completa a frase, ainda rindo "...E esse... Foi o seu fim!!".

Por alguns momentos, nada mais é ouvido através da floresta, até que os corvos da floresta voam e gorjeiam desesperados, chorando por sua mestra. Annie deixa uma marca de magia vil no chão, e nada jas sobre ele. Annie errou. Porém, olhando para cima, vê sua executora voando com dificuldade, clamando por ajuda. Annie sorri mais uma vez, e lança uma Onda do Caos enorme em sua direção, atingindo Ravena, que cai depois de alguns momentos.... Annie então murmura : "Eu sou a Filha de Xoroth... NUNCA se esqueça disso..." -----------------------------------------------------------------------------FIM.

Ad blocker interference detected!


Wikia is a free-to-use site that makes money from advertising. We have a modified experience for viewers using ad blockers

Wikia is not accessible if you’ve made further modifications. Remove the custom ad blocker rule(s) and the page will load as expected.